ME PERMITAM ESSE MOMENTO

por Kritz

Escrever, escrever, escrever. Meu Deus, não é normal, esse meu vício.
Tem gente que quando precisa pensar e relaxar, fuma um beque e ouve bob marley, vai correr ou ler um livro. Ou ver TV. Arrumar as gavetas, fazer compras.
Mas eu não.
Na verdade as palavras começam a brotar na minha cabeça como aquelas espinhas que brotam da cara dos garotos adolescentes que batem punheta quando os hormônios estão a mil.
Me sinto como um garoto movido a hormônios e vou tendo idéias, idéias, idéias e se eu não escrever me dá agonia, me desconcentro, não consigo fazer nada enquanto eu não gozar escrever.
Ninguém me agüenta.
EU não me agüento.

Anúncios